terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Efeito Ressonância


Postado originalmente em 29.08.07 no site http://aguinaldocps.blog.terra.com.br

Ressonância: qualidade de um corpo ou sistema, com capacidade de oscilação, de vibrar como resposta a impulsos recebidos de um outro sistema vibratório.
Hoje deixei meu carro na concessionária por conta de um barulho que ele tem. Percebo esse barulho quando passo em lombadas, quando faço pequenas freadas ou mesmo quando subo a rampa do estacionamento da empresa. Até ontem, me parecia algo vindo do porta-malas, um som abafado, quase como um "surdo" ou um bumbo de bateria.

Em princípio, a primeira coisa que fiz foi verificar alguma possível ferramenta solta, macaco, chave de rodas, triângulo, mas estava tudo bem preso. Retirei tudo que havia no carro (porta CDs, controles remotos, pastas, blusas, etc) e coloquei numa mochila, mas lembrando o poema do Veríssimo, "os barulhos continuavam".

Ontem me irritei e fui até a autorizada Honda, rodei por uns 15 minutos com o piloto de teste e não conseguimos encontrar a origem do barulho. O rapaz me disse que poderia ser alguma ressonância, ou seja, o barulho poderia estar em um lugar, mas a gente ter a sensação de que viria de outro, devido ao som "quicar" em algum ponto do carro. Eis que chego em casa a noite e ao me apoiar no banco traseiro encontro o barulho "perseguido".

Aprendi mais um termo (Ressonância). Isso acontece no meu trabalho. Muitas vezes tenho um problema para resolver e não encontro a origem dele onde aparentemente está. Ao vasculhar o assunto, descubro que o problema é outro completamente diferente.

Uma situação comum de acontecer, um conflito entre funcionários dentro da empresa devido a uma simples chave perdida ou a preferência na vaga do estacionamento é um caso onde pode se perceber a ressonância. Quando você investiga, percebe que o problema não está na vaga do estacionamento, isso seria irrelevante, mas sim numa antipatia causada lá no passado entre essas duas pessoas devido a qualquer outra coisa.

A ressonância também é notada em atividades comerciais. Numa venda, é muito comum o cliente manifestar um problema financeiro como desculpa para não comprar o produto. Em boa parte dos casos, o problema não é financeiro, mas alguma insegurança que sentiu na apresentação do produto ou mesmo na idoneidade do vendedor. Como geralmente não quer dizer claramente sua dúvida, manifesta um inexistente problema financeiro. O vendedor, por sua vez, passa horas tentando solucionar o problema, baixando o preço ou mesmo expondo formas de pagamento mais divididas, o que invariavelmente nada resolve, porque o problema não está ali.

A solução é, assim como o mecânico faz no caso do automóvel, desenvolver uma sensibilidade maior, que só vem com o tempo, de perceber se há ressonância nesse caso. É como no corpo humano, uma dor no braço pode ser de origem muscular, devido ao sujeito ter feito muitos exercícios ou de origem cardíaca, justamente por nunca ter feito exercícios. Pior do que sentir a dor seria diagnosticar com engano a situação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para comentar este artigo, escreva seu comentário, assinale a opção "NOME/URL" e clique em "publicar comentário".

SUA OPINIÃO, FAVORÁVEL OU CONTRÁRIA, É FUNDAMENTAL PARA MOTIVAR O BLOGUEIRO. NÃO DEIXE DE ESCREVER!