segunda-feira, 22 de setembro de 2008

O importante é ser competitivo.

O lema do atletismo "mais rápido, mais alto e mais forte" ("citius, altius e fortius"), representado pela trilogia correr, pular e arremessar, foi criado por Dére Didon em 1896, mas surgiu bem anteriormente, por volta de 776 a C. entre os soldados gregos, para desenvolver as habilidades físicas e criar competições. Apesar de falarem a mesma língua e de terem unidade cultural, os gregos antigos não tinham unidade política, encontrando-se divididos em 160 cidades com governos soberanos, que há cada quatro anos se reuniam num festival esportivo em Olímpia, deixando de lado suas divergências. Mesmo que inicialmente possuíssem um caráter apenas local, depois de algum tempo as competições passaram a contar com participantes de todas as partes da região. Por volta do Século V d.C., os Jogos Olímpicos acabaram juntamente com a antiga cultura grega.

Em 1896, na cidade de Atenas, por iniciativa do educador francês Pierre de Frédy, o barão de Coubertin, as Olimpíadas foram reeditadas. Fascinado pelo comportamento dos gregos no passado, De Frédy convocou em 1894, uma reunião com delegados de 9 países, expondo seu plano de reviver os torneios que tinham sido interrompidos há 15 séculos. Foi justamente ele que, em 1908, implantou o lema "O IMPORTANTE NÃO É VENCER, MAS COMPETIR". (wikipedia)

Desde o início dos Jogos da Era Moderna, essa frase é rechaçada pelas pessoas que, na verdade, não tiveram a sabedoria de entendê-la. Nunca se valorizou, contudo, o verdadeiro sentido da mensagem que o Barão de Coubertin quis transmitir aos atletas. Se buscarmos analisar a fundo, perceberemos que faz todo sentido interpretar o verbo “competir” como “ser competitivo” e, não apenas, como “participar”. Afinal, sabemos que, por melhor que seja um competidor, ele não vai ganhar sempre, mas é importante que ele sempre esteja entre os melhores, ou seja, que seja “competitivo”.

E verdadeiramente competitivo é aquele que busca a vitória com honestidade, querendo sempre fazer o melhor. Competitivo é aquele que, no início de uma disputa, é tido como possível vencedor e, mesmo nos momentos de derrota, se levanta preparado para a próxima, com a certeza que brigará pelo troféu. Mais importante do que saber quem vai vencer é saber quem será realmente competitivo. Pois ser vencedor dependerá dos detalhes, mas ser competitivo dependerá da disciplina de cada um em fazer realmente aquilo que tem que ser feito.

Quem sempre é competitivo, sempre terá chance de vencer, enquanto que aquele que somente se preocupa em ganhar, perde a grande oportunidade de aprender.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para comentar este artigo, escreva seu comentário, assinale a opção "NOME/URL" e clique em "publicar comentário".

SUA OPINIÃO, FAVORÁVEL OU CONTRÁRIA, É FUNDAMENTAL PARA MOTIVAR O BLOGUEIRO. NÃO DEIXE DE ESCREVER!