quinta-feira, 10 de junho de 2010

Vida Maria

Quem tiver oportunidade, assista. VIDA MARIA é o título desse maravilhoso curta metragem do diretor Marcio Ramos, com duração de 9 minutos. Trata-se da história de Maria José, uma menina que viveu sempre na mesma situação, com a mesma "vidinha" e que, sem perceber, impõe tal destino para a filha Lourdes. Quem sabe Maria José também não tenha sido a Lourdes de antigamente e sua filha não seja a Maria da próxima geração? O fato é que a vida de muitas pessoas é exatamente assim: serem iguais aos seus pais, sem mudança, sem perceber o circulo vicioso, sem sair daquele mesmo mundinho.

A definição de sucesso e fracasso é uma discussão ainda muito aberta, onde algumas pessoas questionam se sucesso é determinado pelo acúmulo de patrimônio e outras afirmam que isso é algo totalmente subjetivo. A definição de sucesso para esse blogueiro é "fazer diferença na vida". E o que seria essa idéia de fazer diferença? Há muitas pessoas que não ganham tanto dinheiro, não tem o nome reconhecido no país, região ou cidade onde moram, não ganharam prêmios em suas empresas e não foram referência em nenhuma profissão, mas fizeram diferença para alguém que futuramente vai poder viver todas essas conquistas.

É o caso da mãe analfabeta que vive toda a sua vida de forma miserável, sem sair daquele pequeno mundo de "vida maria", mas consegue chegar ao seu leito de morte tendo propiciado ao filho a condição da mudança. Ou seja, a sua vida medíocre foi uma "vida maria", mas a do filho tem tudo pra não ser por conta de seus sacrifícios. Essa mãe pode ser considerada uma pessoa de sucesso? Na minha opinião, sim! Pois dentro de sua realidade, de seu alcance e de seus objetivos, conseguiu fazer a diferença. Essa pessoa teve mais sucesso do que aquele milionário de berço, que vive bem financeiramente tendo herdado a fortuna dos pais, mas que nunca ousou, nunca arriscou, nunca empreendeu e nunca conquistou.

Sucesso, então, pode ser definido como "a conquista de um grande objetivo". Para uns, proporcionar boas condições de estudo, educação e cultura para os filhos pode ser simplesmente obrigação. Para outros, isso pode ser uma enorme batalha de vida.

4 comentários:

  1. que legal, já vi esse curta

    ResponderExcluir
  2. Aguinaldo,

    claro que gostei.
    O seu ponto de vista de 'sucesso' é bastante pertinente, pois, eu sempre me preocupo com isto:
    ser o melhor na profissão, ser reconhecido, recompen$ado, mas, acima de tudo, não perder a essência, deixar um legado, como a mulher que levava uma 'vida-maria' conseguiu dar uma educação exemplar para o filho que leva uma vida diferente, como vc retrata no seu blog.
    Bom seria se conseguíssemos aliar à nossa trajetória por aqui conquistas que se tornassem um legado não para próximas gerações (isso me soa até megalomania) mas para nossos amigos, nossos entes queridos, vizinhos, ou quem nos conheceu.

    Parabéns pelos comentários pq de 'vida-maria' estamos fartos.

    ResponderExcluir
  3. Aguinaldo,
    Você tinha comentado sobre a possibilidade de publicar o blog em livro. Já tem alguma previsão?
    TFA

    ResponderExcluir
  4. eu vi o filme no canal brasil, achei otimo. Rafael

    ResponderExcluir

Para comentar este artigo, escreva seu comentário, assinale a opção "NOME/URL" e clique em "publicar comentário".

SUA OPINIÃO, FAVORÁVEL OU CONTRÁRIA, É FUNDAMENTAL PARA MOTIVAR O BLOGUEIRO. NÃO DEIXE DE ESCREVER!